Curso de Medicina Veterinária na Unimep

Reitor-interino da instituição anunciou novidades para 2018

Por Marília Ariente 14/12/2017 - 10:15 hs
Foto: Antonio Trivelin
Curso de Medicina Veterinária na Unimep
Fachada do campus Taquaral da Unimep

A Universidade Metodista de Piracicaba (Unimep) vai oferecer o curso de Medicina Veterinária a partir do segundo semestre de 2018 ou no início de 2019. A instalação da nova faculdade foi aprovada pelo Ministério da Educação (MEC) há dois dias. Ainda no próximo ano, será lançado o curso de Educação à Distância (EAD) em Gestão de Pessoas.

As informações foram divulgadas, nesta quarta-feira (13), à imprensa, pelo reitor-interino da Unimep, Fabio Josgrilberg. Ele ressaltou que o curso de Odontologia - que já é oferecido no campus da cidade de Lins (SP) - também o será no campus Taquaral.

“A partir de 2019, também serão oferecidos outros novos cursos, inclusive EAD de graduação. Para o curso de Medicina Veterinária, vamos precisar construir alguns laboratórios, mas já temos boa parte da infraestrutura necessária pronta. Teremos outros novos cursos, mas ainda estão em trâmite”, disse.

O reitor-interino, ressaltou que seu objetivo é encerrar esse semestre de 2017 e iniciar o planejamento futuro. “Foi um período difícil em vários aspectos neste ano. Em janeiro, vamos refazer o plano de ação com a comunidade para os próximos três anos. Será dentro desse plano que vamos definir melhor o portfólio dos cursos à distância que serão oferecidos em 2019. Teremos um ano 2018 melhor”.

Sobre essas novidades, Josgrilberg ressaltou que é importante que a sociedade conheça os projetos futuros da Unimep. “Há boatos contrários à continuidade da Unimep e isso é inadmissível porque não é essa a posição da Igreja Metodista. Não existe intenção de venda da Unimep. Qualquer cogitação sobre isso é descabida”, disse.

Josgrilberg falou da crise da Unimep - agravada pelo desempenho da Economia no País -, não descartou a necessidade de corte de despesas e de pessoal para adequar o orçamento.

“A elaboração do orçamento de cada faculdade é participativa, conforme previsto no estatuto. Como medida para aumentar a rentabilidade a instituição vai adotar política de descontos na mensalidade para atrair mais alunos e aumentar a receita operacional. Dado o cenário econômico externo, não prevemos o crescimento do número de alunos e nosso orçamento será semelhante ao deste ano”, afirmou

A Unimep conta com 8,1 mil alunos e 964 professores e funcionários, atualmente. “A Unimep seguirá como referência educacional na região e no País. A reinvenção é permanente para se adequar à sociedade, ao perfil dos novos alunos, do que necessita o mercado. Estamos atentos às mudanças radicais que estão acontecendo no mundo a todo o momento”, disse.

Apesar da demanda por novos alunos ter caído no Ensino Superior em todo o País, o reitor-interino da Unimep ressaltou que há muitos alunos no Brasil querendo ingressar no Ensino Superior, mas estão sem condições financeiras.

“A universidade está atenta a isso e faz parte de sua missão oferecer alternativas a esses jovens. Um exemplo é que num momento que o Brasil abandona as licenciaturas, a Unimep mantém os cursos e isso é uma característica da instituição e da Rede Metodista. A esperança para superar essa crise também vem desse objetivo comum da comunidade, da Igreja Metodista e da sociedade”, afirmou.

 

Fonte: Gazeta de Piracicaba